sábado, 19 de junho de 2010

A Mulher do Padre

Eu sempre quis saber a origem desse ditado...


Um comentário:

  1. Segundo Letácio Jansen,personalidade jurídica:
    "Mal sabia eu que, sob aquela brincadeira, aparentemente inocente, de garotos brasileiros, escondia-se um problema sério, da pedofilia, que hoje ameaça o clero católico em várias partes do mundo, até na Alemanha, país de origem do atual Papa Bento XVI.

    A ameaça aos lerdos – de se tornar mulher do padre – era uma forma gaiata de a meninada, dos colégios religiosos, lidar com o assunto, o que não tira a gravidade da questão."

    Ainda, segundo um catequista(desconheço o nome) da Igreja Católica Apostólica Romana: "Antigamente algumas mulheres saiam à caça de homens e no lugar em que havia menos homens do que mulheres e um desses homens era um Padre não havia como formar par e casar.
    Então, a medida que as mulheres iam chegando também iam arrumando seus pares.
    A última mulher que chegasse e só encontrava o Padre disponível ela ficava sem par, uma vez que o Padre não podia e não pode casar, nem relacionar-se sexualmente."
    Segundo esse catequista, daí a brincadeira: o último a chegar é mulher do padre.

    É ... muitas coisas fazem sentido e, infelizmente, a PEDOFILIA é a questão. Uma triste e indigna realidade, presente em todas as camadas sociais e religosas. Há de ser severamente punida e seriamente exterminada.
    Abç,

    Eliana Lopes Daud

    ResponderExcluir